ca|de|dk|en|es|fi|fr|gl|gr|he|it|nl|pt|sr|ru|cn|jp
The Critical Engineering Working Group
Berlin, October 2011-2016
Julian Oliver
Gordan Savičić
Danja Vasiliev

THE CRITICAL ENGINEERING MANIFESTO

0. O Engenheiro Crítico considera a Engenharia a linguagem mais transformadora do nosso tempo, moldando a maneira como nos movemos, comunicamos e pensamos. É função do Engenheiro Crítico estudar e explorar esta linguagem, bem como expor sua influência. 1. O Engenheiro Crítico considera que qualquer tecnologia de que dependamos constitui um desafio e uma ameaça. Quanto maior é a dependência em relação a uma tecnologia, maior é a necessidade de analisar e expor seu funcionamento interno, independentemente de direitos ou questões legais. 2. O Engenheiro Crítico contribui para a conscencialização de que cada avanço tecnológico desafia a nossa literacia tecno-política. 3. O Engenheiro Crítico desconstrói e incita à desconfiança de qualquer elaborada experiência de usuário. 4. O Engenheiro Crítico vê para além do "êxtase da implementação," determinando métodos de influência e seus efeitos específicos. 5. O Engenheiro Crítico reconhece que cada obra de engenharia transforma o seu utilizador proporcionalmente à dependência desse utilizador em relação a ela. 6. O Engenheiro Crítico expande o conceito de "máquina" para descrever interrelações que abrangem aparelhos, corpos, agentes, forças e redes. 7. O Engenheiro Crítico observa o espaço entre a produção e o consumo de tecnologia. Agindo rapidamente sobre mudanãs neste espaço, o Engenheiro Crítico expõe e revela momentos de desequilíbrio e decepção. 8. O Engenheiro Crítico olha para a história da arte, arquitetura, ativismo, filosofia e invenção e encontra obras exemplares de Engenharia Crítica. Estratégias, ideias e agendas dessas disciplinas serão adotadas, revisitadas e utilizadas. 9. O Engenheiro Crítico entende que o código escrito se expande em direção ao campo social e psicológico, regulando comportamentos entre as pessoas e as máquinas com que interagem. Compreendendo isto, o Engenheiro Crítico procura reconstruir restrições ao utilizador e acções sociais através de métodos de escavação digital. 10. O Engenheiro Crítico considera a exploração a mais desejável forma de exposição. Portuguese translation by Ricardo O'Nascimento, Popkalab and Vera Sacchetti.

Download English language version of Manifesto as a printable PDF
(sha256sum 1b542dc224800f6266334f96b13ba65ea6ecac1cd058d913aec8910f6ce3d09f).

Copyright Oliver, Savičić, Vasiliev 2011-2016, GNU Free Documentation License v1.3.

Critical Engineering intensive training 2016: NETWORKSHOP, UNIX CLI, OTHERNET